Produção de mais de 750 toneladas de sucata industrial evitada

0
94

Produção de mais de 750 toneladas de sucata industrial evitada.

De acordo com Rafael Davi Valentini, CEO da Movestock, a redução é benéfica não apenas para as empresas, mas para a sociedade como um todo.

A Movestock, líder em aproximação de indústrias que possuem estoques parados, excedentes ou obsoletos, já eliminou em sucata industrial, em cerca de vinte meses, o equivalente à área de dois campos de futebol profissional e evitou que fossem produzidas mais de 750 toneladas de sucata.

De acordo com Rafael Davi Valentini, CEO da Movestock, a eliminação de sucata é de grande importância por questões econômicas, ambientais e sociais. “Quando se fala em práticas de gestão ambiental, elas incluem não apenas medidas como redução do consumo de energia e água, mas também a implementação de práticas de reciclagem e compostagem. As empresas podem contribuir para as mudanças climáticas por meio de suas operações”, explica.

Segundo o empreendedor, a redução de sucata industrial pode ajudar as empresas a economizarem de forma substancial. “Quando desperdiçam menos materiais, pode haver economia em custo de produção e gestão de resíduos. Além disso, há mais possibilidade de reutilizar materiais dentro dos processos produtivos”, afirma.

Produção de mais de 750 toneladas de sucata industrial evitada

Valentini comenta que a geração de sucata industrial pode resultar em resíduos poluentes que podem afetar gravemente o meio ambiente. “Quando reduzimos a sucata industrial, automaticamente reduzimos a demanda por novos recursos naturais, economizando energia e minimizando a emissão de poluentes. Além disso, quando se diminui a necessidade de extrair, transportar e processar novos materiais, aumenta a preservação de recursos não renováveis, como metais preciosos e minerais”.

Para o CEO da Movestock, a redução da sucata industrial não é positiva apenas para as empresas, mas para toda a sociedade, podendo, inclusive, estimular a criação de empregos em áreas relacionadas, como reciclagem, remanufatura e desenvolvimento de tecnologias verdes. “Além disso, a procura por redução de sucata pode estimular as empresas a desenvolver métodos mais eficientes de produção, com o uso de materiais mais duráveis e processos que gerem menos resíduos. Isso pode aumentar a competitividade no mercado”, avalia.

Finalmente, Valentini lembra que muitos resíduos industriais contribuem para as emissões de gases de efeito estufa, por isso, quando há redução na geração de sucata industrial, as empresas automaticamente contribuem para a diminuição da pegada de carbono e para o meio ambiente de forma geral. “Na Movestock temos como objetivo facilitar o reuso de ativos excedentes, e também daqueles que já estão obsoletos, de outras empresas. O sistema atua de forma integrada, possibilitando um gerenciamento de 100% do desperdício”, conta.

Sobre Rafael Davi Valentini

Rafael é co-fundador e CEO Movestock, empreendedor desde os 16 anos, construiu uma carreira sólida no setor siderúrgico, atuando como CEO por 16 anos. Apaixonado pela economia circular, em 2015 fundou o osucateiro.com, empresa de tecnologia voltada para a gestão de resíduos e reciclagem de materiais. Em 2022, deu mais um passo à frente e criou a Movestock, focada na venda de estoques excedentes e obsoletos de indústrias. Reconhecido como TOP3 LATAM em ODS 8 e TOP3 Brasil para investir. Rafael é um visionário comprometido em impulsionar negócios com impacto positivo e sustentável.
Sobre a Movestock

Com o objetivo de colaborar para a preservação ambiental, a Movestock é um marketplace que facilita o reuso de ativos excedentes, e também daqueles que já estão obsoletos, de outras empresas. O sistema atua de forma integrada, possibilitando um gerenciamento de 100% do desperdício. Devido ao uso de automação, a geração de estoques é resolvida de ponta a ponta com eficiência. Além disso, a Movestock conta com um modelo inovador de negociação inteiramente desenvolvido com tecnologia própria e voltado, especialmente, para este mercado.

Para mais informações, acesse:
https://movestock.com/
https://www.facebook.com/movestockcom/
https://www.instagram.com/movestockcom/

Alessandra tem passagens por alguns dos maiores veículos de comunicação do estado de São Paulo, como Editora Abril, Folha de São Paulo, Estadão, Diário do Grande ABC e Revista Livre Mercado. Colunista dos portais de notícias Tô na Band e São Paulo em Destaque e está à frente dos portais Economia SA, com foco em negócios, e Viajar SA. É sócia-diretora da Business Group Events, agência 360º, única no mercado que atende desde projetos para redes sociais e artistas até negociação de shows e eventos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui