Anúncio Na Mídia

Por que os jovens já devem pensar na previdência privada? Assim, conheça os principais motivos para você, jovem, começar a investir na sua previdência privada quanto antes e poupar dinheiro para o seu futuro.

Normalmente, quem é jovem não costuma se preocupar muito com o futuro a longo prazo e nem faz planejamento sobre a sua condição financeira. Isso significa que a preparação para quando os 50, 60, 70 anos chegarem começa somente mais tarde – e isso pode causar um problema financeiro enorme se for um assunto negligenciado por muito tempo, principalmente depois da reforma da previdência.

Dessa forma, para ter uma aposentadoria tranquila e sem apertos na vida econômica, o ideal é começar a planejar desde cedo a sua previdência privada.

Descobrir qual o melhor plano, entre entre PGBL e VGBL, decidir qual o valor dos aportes, a melhor instituição financeira e até mesmo ter uma noção de como será feito o resgate lá na frente é essencial para garantir um futuro tranquilo

Por que os jovens já devem pensar na previdência privada?

Por que os jovens já devem pensar na previdência privada?

Enfim, são muitos os detalhes a serem vistos e revistos ao longo dos anos, então por que não começar desde cedo a se planejar? Aqui reunimos alguns motivos que podem te fazer mudar de ideia e ver com bons olhos a ideia de investir na previdência privada desde a juventude! Confira agora e boa leitura!

Ajustar as expectativas com a realidade

A realidade da maioria dos brasileiros não é ser herdeiro de uma enorme fortuna. Sendo assim, como o futuro não está garantido, você mesmo deve planejar bem suas finanças para não ser surpreendido lá na frente e nem sofrer com algum imprevisto.

Segundo dados da Federação Nacional de Previdência Privada e Vida (Fenaprevi) e Instituto Ipsos, metade dos jovens brasileiros – chamados de geração millennial – tem a expectativa de trabalhar até os 65 anos, entretanto, apenas 18% desse total realmente poupa para atingir esse objetivo.

O que se vê atualmente é a falta de uma cultura de investimento a longo prazo, que se preocupe com os anos lá na frente, quando a aposentadoria vier inevitavelmente.

Dessa maneira, é necessário alinhar as expectativas com a realidade e modificar o cenário atual, criando incentivos para que esses jovens se organizem financeiramente e consigam se aposentar na idade planejada.

Pensar na manutenção do padrão de vida

Apesar do governo oferecer a aposentadoria através do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), é preciso ser realista e pensar se esse dinheiro seria o suficiente para manter seu padrão de vida hoje. Provavelmente não. Então, por que seria o bastante quando você se aposentar?

Erroneamente, muitas pessoas ainda acreditam que o custo de vida diminui após a aposentadoria e esse pensamento tende a atrapalhar um bom plano de previdência privada. O que ocorre é que ou o custo se mantém ou aumenta com a chegada de outros gastos inesperados.

Por um lado, se as despesas relativas à educação dos filhos e família tendem a diminuir, os gastos com saúde, alimentação, viagens e cuidados pessoais tendem a aumentar.

Neste cenário, a previdência privada chega para somar à aposentadoria do INSS. Promovendo uma melhor qualidade de vida para você e diminuindo os riscos de sofrer com algum imprevisto.

Diminuição do peso no orçamento

Quanto mais cedo você iniciar o seu planejamento de previdência privada, mais leve será para o seu orçamento, entenda o porquê a seguir.

Ao iniciar esse tipo de aplicação cedo, com um longo prazo pela frente, é possível alcançar os melhores cenários para esse investimento. Isto é, diminuição do risco e realização de aportes menores ao longo do tempo.

Quanto maior a duração da sua contribuição para o plano de previdência, mais baixos serão os aportes necessários para chegar ao patrimônio desejado no futuro.

O grande benefício é que não ocorre o comprometimento do orçamento, diminuindo a possibilidade de prejudicar a tranquilidade de uma aposentadoria tranquila.

Responsabilidade sobre seu próprio futuro

Infelizmente, a educação financeira ainda não é um tema abordado nas escolas do Brasil.

Esse tipo de negligência sobre um assunto tão importante prejudica a formação dos jovens que não conhecem nada sobre economia básica. E, para tanto, precisam aprender ao longo dos anos, a partir das experiências do dia a dia.

Neste sentido, o cenário tende a piorar com a chegada da vida adulta e a falta de conhecimento sobre finanças e economia.

Assim, aqueles que têm algum desejo de organizar a vida financeira ou já possuem algum nível de conhecimento sobre o tema sabem que a previdência privada é um dos investimentos a longo prazo que vão proporcionar uma maior independência financeira.

Além disso, a partir dessa aplicação é possível se tornar verdadeiramente  responsável pelo seu orçamento. É através dela que você consegue complementar a sua aposentadoria. Ou seja, formar um patrimônio, garantindo a sua tranquilidade lá na frente ou até mesmo, atingindo outros objetivos, como comprar um imóvel.

Por que os jovens já devem pensar na previdência privada?

Dessa forma, é possível perceber que aquela visão antiga de “viver o presente” não compactua muito bem com um futuro. Um futuro tranquilo e garantido que a maior parte dos jovens de hoje deseja.

Sendo assim, vale a pena repensar sobre suas opções para planos de previdência privada e dar início na aplicação o quanto antes.

 

 

Fotos: Divulgação /Acervo Pessoal

Fonte: Lucas SEO /  Assessoria de Imprensa

Não deixe de lerO jornalismo brasileiro não pode ficar isolado

Veja ainda nosso ebook: Segredos da Lei da Atração

 

Anúncio Na Mídia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here