foto divulgação-namidia-

2020 com “Donna Summer Musical” Teatro Santander.  Faa Morena prestigia espetáculo ‘Donna Summer Musical’, dirigido por Miguel Falabella, acompanhada do ator Saulo Meneghetti.

Na noite da última sexta-feira, 06 de março, aconteceu o segundo dia de apresentações do espetáculo “Donna Summer Musical”, no teatro Santander.

E Faa Morena foi uma das convidadas especiais para prestigiar o grande sucesso da Broadway que finalmente chega ao Brasil.

2020 com “Donna Summer Musical” Teatro Santander

2020 com “Donna Summer Musical” Teatro Santander

A apresentadora da RedeTV!, estava acompanhada do ator e artista plástico, Saulo Meneghetti, e elogiou muito a obra dirigida por Miguel Falabella e a interpretação das atrizes Amanda Souza, Jeniffer Nascimento e Karin Hills:

“Vozes belíssimas dessas meninas, foi muito especial poder reviver momentos de nossa diva Donna, que venham mais iguais a esse. Parabéns a todo o elenco, foram todos incríveis”, comenta Faa. 

Créditos: Divulgação

Veja ainda: Hôtel de Paris Monte-Carlo “5 – Cinco Estrelas”

DONNA SUMMER MUSICAL

Apresentado pelo Ministério da Cidadania e pela Zurich Santander Seguros, o musical  “DONNA SUMMER MUSICAL”  que estreou na Broadway  em março de 2018, com enorme sucesso de público e crítica, chega finalmente ao Brasil em uma grande produção no Teatro Santander, tendo como protagonistas as atrizes Jeniffer Nascimento, que interpreta a diva no auge da carreira – Disco Donna –  e Karin Hils, como Diva Donna.

Com a direção geral de Miguel Falabella e direção musical de Carlos Bauzys, o espetáculo é mais uma realização da Atual Produções e da Bárbaro!, responsáveis, entre outros, pelos musicais We Will Rock You Brazil, Alegria Alegria, Hebe, O Musical e Zorro – Nasce uma lenda, recentemente em cartaz no 033 RoofTop.

Uma das maiores e mais carismáticas artistas da história da música contemporânea mundial, com uma voz de alcance invejável, Donna Summer é sem dúvida uma das maiores cantoras da história, tendo recebido os títulos de “Rainha da Disco Music” e “Rainha da Dance Music”.

Em toda sua carreira, ganhou 5 prêmios 
Grammy, vendeu mais de 200 milhões de discos e foi a primeira artista a ter três álbuns duplos consecutivos a atingir o primeiro lugar nas paradas da Billboard nos Estados Unidos.

Em 1978, a artista ainda ganhou um
 Oscar de Melhor Canção Original com seu single “Last Dance”, da trilha sonora de “Até Que Enfim É Sexta-Feira”.

Com texto original de Colman DomingoRobert Cary & Des McAnuff e músicas de Donna SummerGiorgio Moroder & Paul Jabara, o musical retrata a vida eletrizante da diva, seus amores tempestuosos e hits planetários que a fizeram uma das mais importantes personalidades da história da música mundial, mostrando três fases de sua trajetória: 

Jovem Donna, na pré-adolescência, Disco Donna no auge do sucesso e nos seus 50 anos, já no topo de sua carreira, Diva Donna.

Na trilha sonora do espetáculo, que aborda temas como o racismo, igualdade de gênero e empoderamento feminino, estão os sucessos mundiais da grande estrela, músicas que já fazem parte do inconsciente coletivo das pessoas, como “I feel love”, “Love to love you baby”, “MacArthur Park”, “On the Radio”, “Bad Girls”, “She works hard for the money”, “Hot Stuff” e “Last Dance” para citar algumas!

Na ficha técnica do espetáculo, que fará temporada no Teatro Santander de 5 de março a 28 de junho, estão, além de Miguel Falabella como diretor geral, Carlos Bauzysassinando a direção musical, Bárbara Guerra a coreografia, Zezinho e Turíbio Santos a cenografia, Richard Luiz o video cenário.

A iluminação será de 
Caetano Vilela, o design de som de Tocko Michelazzo, os figurinos de Theo Cochrane e o visagismo de Anderson Bueno e Simone Momo.
DONNA SUMMER MUSICAL

Apresentado pelo Ministério da Cidadania e pela Zurich Santander Seguros, o musical  “DONNA SUMMER MUSICAL”  que estreou na Broadway  em março de 2018, com enorme sucesso de público e crítica, chega finalmente ao Brasil em uma grande produção no Teatro Santander, tendo como protagonistas as atrizes Jeniffer Nascimento, que interpreta a diva no auge da carreira – Disco Donna –  e Karin Hils, como Diva Donna.

Com a direção geral de Miguel Falabella e direção musical de Carlos Bauzys, o espetáculo é mais uma realização da Atual Produções e da Bárbaro!, responsáveis, entre outros, pelos musicais We Will Rock You Brazil, Alegria Alegria, Hebe, O Musical e Zorro – Nasce uma lenda, recentemente em cartaz no 033 RoofTop.

Uma das maiores e mais carismáticas artistas da história da música contemporânea mundial, com uma voz de alcance invejável, Donna Summer é sem dúvida uma das maiores cantoras da história, tendo recebido os títulos de “Rainha da Disco Music” e “Rainha da Dance Music”.

Em toda sua carreira, ganhou 5 prêmios 
Grammy, vendeu mais de 200 milhões de discos e foi a primeira artista a ter três álbuns duplos consecutivos a atingir o primeiro lugar nas paradas da Billboard nos Estados Unidos.

Em 1978, a artista ainda ganhou um
 Oscar de Melhor Canção Original com seu single “Last Dance”, da trilha sonora de “Até Que Enfim É Sexta-Feira”.

Com texto original de Colman DomingoRobert Cary & Des McAnuff e músicas de Donna SummerGiorgio Moroder & Paul Jabara, o musical retrata a vida eletrizante da diva, seus amores tempestuosos e hits planetários que a fizeram uma das mais importantes personalidades da história da música mundial, mostrando três fases de sua trajetória: 

Jovem Donna, na pré-adolescência, Disco Donna no auge do sucesso e nos seus 50 anos, já no topo de sua carreira, Diva Donna.

Na trilha sonora do espetáculo, que aborda temas como o racismo, igualdade de gênero e empoderamento feminino, estão os sucessos mundiais da grande estrela, músicas que já fazem parte do inconsciente coletivo das pessoas, como “I feel love”, “Love to love you baby”, “MacArthur Park”, “On the Radio”, “Bad Girls”, “She works hard for the money”, “Hot Stuff” e “Last Dance” para citar algumas!

Na ficha técnica do espetáculo, que fará temporada no Teatro Santander de 5 de março a 28 de junho, estão, além de Miguel Falabella como diretor geral, Carlos Bauzysassinando a direção musical, Bárbara Guerra a coreografia, Zezinho e Turíbio Santos a cenografia, Richard Luiz o video cenário.

A iluminação será de 
Caetano Vilela, o design de som de Tocko Michelazzo, os figurinos de Theo Cochrane e o visagismo de Anderson Bueno e Simone Momo.




LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here