Galeries Lafayette inaugura a instalação “To Breath”

A artista Kimsooja explora os aspectos sensoriais do edifício, focando a atenção dos visitantes na luz para criar um ambiente propício à contemplação.

0
265

Galeries Lafayette inaugura a instalação “To Breath”.

GALERIES LAFAYETTE INAUGURA EM 14 DE ABRIL A INSTALAÇÃO ‘TO BREATHE’, DA ARTISTA SUL-COREANA KIMSSOJA, QUE IRRADIA NOVAS LUZES E CORES NA CENTENÁRIA LOJA DE DEPARTAMENTOS PARISIENSE

A convite da Galeries Lafayette, a artista sul-coreana Kimsooja imprime, a partir de 14 de abril, uma nova iluminação à arquitetura centenária da tradicional loja de departamentos parisiense. Com o projeto To Breathe, a artista, que representou seu país na 24ª Bienal de São Paulo (1998), irá cobrir a famosa cúpula de vidro do edifício do Boulevard Haussmann com um filme especial de difração da luz natural em todas as cores do arco-íris.  Kimsooja transforma superfícies externas da cúpula e espaços internos em multicoloridos espectros que mudam ao longo do dia.

Para esta instalação (a primeira em Paris nesta escala), a artista Kimsooja explora os aspectos sensoriais do edifício, focando a atenção dos visitantes na luz para criar um ambiente propício à contemplação. Centrada em torno da histórica cúpula de vidro da loja, a instalação cria um diálogo inédito com este icônico elemento do patrimônio arquitetônico da Galeries Lafayette. Quando foi construída, em 1912, a cúpula inundou o interior da loja com uma infinidade de tons graças aos vitrais desenhados por Jacques Grüber, posteriormente removidos e substituídos por vidro branco. Ao trazer de volta a luz colorida de forma inteligente ao coração deste histórico edifício art nouveau, Kimsooja presta uma homenagem poética ao projeto original.

Galeries Lafayette inaugura a instalação "To Breath"
Imagem de Giannis Vastardis

Galeries Lafayette inaugura a instalação “To Breath”

Kimsooja concebeu To Breathe pela primeira vez em 2006, quando transformou conceitualmente o bottari, pacote coreano embrulhado em tecido, em uma forma arquitetônica. Usando filme de difração, ela envolve espaços inteiros para sublimar sua arquitetura e revelar suas histórias por feixes de luz. Uma obra em movimento, To Breathe reage ao ambiente natural, aproveitando a forma como a luz muda ao longo do tempo, de acordo com o clima e à medida que o sol se move pelo  céu. Quando os raios de luz passam por ele, o filme de difração cria espectros de arco-íris efêmeros que mudam à medida em que as pessoas se movem pelo espaço.

Galeries Lafayette inaugura a instalação "To Breath"

Sonhando com um “bazar de luxo” onde os raios do sol brilham através de um telhado abobadado, banhando o grande salão em uma luz dourada e iluminando as prateleiras e vitrines, o fundador da Galeries Lafayette, Théophile Bader, convidou artistas renomados da época para criar esta joia arquitetônica. Projetada pelo arquiteto Ferdinand Chanut, a cúpula injeta movimento na luz do dia ao entrar no prédio. Muitas vezes descrito como neo-bizantino, o decorativo trabalho na cúpula reflete a influência do orientalismo, em moda na época. Isso é perceptível nos elementos dourados e na ricamente esculpida ferragem de Edouard Schenck, que irradia como raios de sol para emoldurar os vitrais que permitem a passagem de uma luz quente e colorida.

Galeries Lafayette inaugura a instalação "To Breath"

Galeries Lafayette inaugura a instalação “To Breath”

A instalação To Breathe pode ser visitada até 30 de junho. Perceptível em toda a loja, tem seus melhores ângulos de observação no oitavo andar e nos terraços do quinto andar (bem sob a cúpula).  

Sobre Kimsooja

Nascida em 1957 em Daegu, Coreia do Sul, Kimsooja é uma artista multidisciplinar aclamada internacionalmente que vive e trabalha entre Paris e Seul. Em sua trajetória artística, representou seu país na 24ª Bienal de São Paulo (1998) e na 55ª Bienal de Veneza (2013).

Também foi convidada a participar em mais de 40 exposições de arte contemporânea, bienais e trienais. Seu trabalho tem sido objeto de exposições individuais em locais de prestígio. Como MoMA PS1, Palacio de Cristal do Museu Reina Sofía, Vancouver Art Galery. Assim como, Kunsthalle Wien, Kunsthalle Bern, Kunstmuseum Liechtenstein. E, Museu de Arte Contemporânea de Lyon, Museu de Arte Moderna Saint Etienne, Guggenheim Bilbao e Centro Pompidou-Metz.

Kimsooja lecionou na Beaux-Arts de Paris (2008-2009) e reebeu nomeação Chevalier da Ordre des Arts et des Lettres do Ministério da Cultura em 2017. Em setembro de 2022, inaugurou os vitrais que desenhou para a Catedral de Metz, Vitrais, que o Ministério da Cultura francês encomendou para marcar o 800º aniversário da templo religioso.

A artista, Kimsooja,  ganhou notoriedade mundial ao adotar uma abordagem estética contemplativa baseada na percepção e na observação.  Ao focar o atenção do espectador em um determinado objeto ou fenômeno, a artista abre caminho para aparições que questionam as forças na arte e na vida. Assim, convidando todos a sentir e vivenciar o mundo por meio de todas as suas superfícies.

SOBRE A GALERIES LAFAYETTE

Com mais de 120 anos de tradição, a Galeries Lafayette foi inaugurada em 1894 no Boulevard Haussmann. Hoje, é uma marca de notoriedade mundial, sinônimo de estilo parisiense e de elegância à francesa. Primeira loja de departamentos da Europa e com 70.000 m2 em três edifícios, recebe, atualmente, cerca de 100.000 visitantes/dia. Internamente, são 15.000 m2 à moda, com 3.500 marcas de renomes.

Marcas das mais acessíveis às grifes mais desejadas do universo fashion estão presentes na Galeries Lafayette. Como Louis Vuitton, Chanel, Prada, Gucci, Burberry, Balenciaga, MiuMiu, M.A.C, Lancôme, Dior e Sisley.

A todos os clientes, oferece serviços sob medida de alta qualidade, que inclui personalshoppers e atendentes que falam português. Além de salões privativos, entrega de compras no hotel e orientação no serviço de reembolso de impostos (12%).

Mais informações, acesse haussmann.galerieslafayette.com/pt-br/ 

 

 

Fonte: J.Jacques
Edição: Redação Na Mídia
Fotos: Divulgação e de Giannis Vastardis
Leia ainda: O Empoderamento da Mulher através do Tempo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui