Roberta Sá está em turnê com o show que deriva de Giro (Rosa Produções/Deck), seu mais recente álbum, reunindo repertório composto por Gilberto Gil e parceiros.

Roberta Sá em turnê com o show que deriva de Giro. Tudo começou nos encontros em torno da mesa farta dos almoços de domingo do saudoso amigo e jornalista Jorge Bastos Moreno, no final de 2016.

Nesse ambiente inspirador, Roberta teve a ideia de gravar um projeto só com canções do compositor baiano.

Pouco depois, Gil a presenteou com a inédita “Giro”, já composta para o novo disco.

O segundo presente foi “Afogamento”, parceria de Gil e Jorge Bastos Moreno (a gravação em dueto com Gil foi lançada em 2018, no álbum Ok Ok Ok, do baiano).

A partir dessas canções desenhou-se o álbum de inéditas de Gilberto Gil e parceiros, entre eles a própria Roberta, co-autora das canções “Cantando as horas”(Gil e Roberta), “Xote da Modernidade”(Gil/Bem Gil/Roberta Sá), “Outra coisa”(Gil/Roberta Sá/Yuri Queiroga) e “Fogo de Palha”(Gil/Bem Gil/Roberta Sá).

Bem Gil assina a produção de Giro e cuidou de arregimentar o time de músicos.

“O papel do Bem foi fundamental, foi ele quem sugeriu fazer um disco só com inéditas e provocou a minha primeira parceria com Gil, Cantando as Horas”, pontua Roberta Sá. Além das já citadas, Gil compôs três canções sozinho: “A vida de um casal”, “O lenço e o lençol” e “Aurorretratinho”.

Roberta Sá em turnê com o show que deriva de Giro

A pedido de Roberta, Gil retomou a parceria com Jorge Ben Jor depois de mais de 40 anos: juntos os dois assinam “Ela diz que me ama”, primeiro single do álbum que contou com a participação de Ben Jor nos vocais, em estúdio, e no vídeo clipe dirigido por Andrucha Waddington.

“Fogo de Palha” também já ganhou vídeo clipe, editado a partir de imagens feitas na gravação do álbum, com Roberta, Gil e os músicos.

A direção do show é de Gabriela Gastal e o cenário de Valéria Costa, mesma dupla por trás do show Delírio.

O desenho da luz é de Ivan Marques e Gabriel Marques e a direção de movimento de Marcia Rubin. Figurino de Helô Rocha – Atelier Le Lis e styling Rogério S. A banda que acompanha Roberta é formada por Pedro Sá (guitarra), Alberto Continentino (baixo), Marcelo Costa (bateria) e Thiago Gomes (teclado).

“O processo foi muito afetuoso, sem pressa alguma. Gil é uma pessoa muito generosa e, acima de tudo, um músico apaixonado por quem pensa e faz música”, finaliza Roberta.

www.robertasa.com.br

Serviço:

Evento: ROBERTA SÁ – GIRO

Data: 31 de agosto

Horário: Sábado, às 21h | Abertura da casa: 1h antes do evento

Local: Imperator – Centro Cultural João Nogueira (Teatro)

Endereço: Rua Dias da Cruz, 170 – Méier

Valor do Ingresso: Pista, plateia inferior e balcão: R$ 80 (inteira) e R$ 40 (meia)

Local de venda: Bilheteria do Centro Cultural, Quarta: 13h às 20h30; Quinta a sábado: 13h às 21h30; Domingo: 13h às 19h30. Ou através do siteingressorapido.com.br

Classificação: Livre

Duração: 90min

Informações: (21) 2597-3897 (das 9h às 12h/13h às 18h). Exceto Feriados.

NaMidia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here