Michel Temer tem saída do Brasil autorizada pela justiça.

A Justiça Federal autorizou a saída do país do ex-presidente da República Michel Temer.

Ele foi nomeado pela Presidência da República para integrar uma missão humanitária ao Líbano, onde uma explosão, ocorrida na semana passada, deixou dezenas de mortos e feridos.

O período da viagem será de 12 a 15 deste mês.

A informação foi confirmada por Eduardo Carnelós, advogado do ex-presidente.

Filho de libaneses, Temer é réu em dois processos relacionados à Operação Descontaminação, por isso precisa de autorização judicial cada vez que tiver que sair do país.

A autorização foi concedida pelo juizo da 7ª Vara Federal do Rio de Janeiro.

Michel Temer tem saída do Brasil autorizada pela justiça

Michel Temer tem saída do Brasil autorizada pela justiça

Sobre Michel Temer:

é um político, advogado e escritor brasileiro, que serviu como o 37.º Presidente do Brasil de 31 de agosto de 2016, empossado após o impeachment da titular, Dilma Rousseff, a 1 de janeiro de 2019.

Anteriormente, foi o 24.º Vice-presidente do Brasil, entre 1 de janeiro de 2011 e 31 de agosto de 2016.

Tornando-se, dessa forma, desde 1985, o terceiro vice-presidente membro de seu partido, o Movimento Democrático Brasileiro (MDB), que chegou à Presidência da República sem ser eleito diretamente para o cargo.

 

 Anteriormente, exerceu também os cargos de presidente da Câmara dos Deputados, deputado federal, secretário da Segurança Pública e procurador-geral do estado de São Paulo.

Filho de imigrantes libaneses que chegaram ao Brasil na década de 1920, Temer nasceu e foi criado no interior paulista.

Em 1963, graduou-se em Direito pela Universidade de São Paulo (USP), onde atuou ativamente na política estudantil.

Ao longo da década de 1960, trabalhou como advogado trabalhista, como oficial de gabinete de José Carlos de Ataliba Nogueira e num escritório de advocacia.

Fonte: Vitor Abdala/Agência Brasil – Rio de Janeiro Edição: Valéria Aguiar

Foto: Alan Santos/PR

Leia também: Após garantir necessidade interna EUA vão compartilhar vacina

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here