Anúncio Na Mídia

Em plataforma própria, Petrobras começa produção do pré-sal. A Petrobras anunciou hoje (25) o início da produção de petróleo e gás natural da jazida compartilhada de Atapu.

Por meio da plataforma P-70, na porção leste do pré-sal da Bacia de Santos, consequentemente, próximo ao Campo de Búzios.

Em plataforma própria, Petrobras começa produção do pré-sal

De acordo com a companhia, Atapu deverá contribuir para o crescimento da produção no pré-sal.

A P-70 é plataforma própria da Petrobras e a quinta unidade flutuante de produção, armazenamento e transferência de petróleo e gás (FPSO, do nome em inglês) da série portanto, dos replicantes.

Tem capacidade para processar diariamente até 150 mil barris de óleo e tratar dessa forma, até 6 milhões de metros cúbicos (m³) de gás natural.

A unidade vai operar a cerca de 200 quilômetros (km) da costa do estado do Rio de Janeiro.

Outrossim, em lâmina d’agua de 2,3 mil metros, com previsão de interligação de até oito poços produtores assim como, oito poços injetores, informou a assessoria de imprensa da Petrobras.

A jazida compartilhada de Atapu compreende os campos de Oeste de Atapu, Atapu e uma parcela de área não contratada portanto, da União.

Tendo sido o processo de individualização da produção concluído em setembro de 2019.

Em plataforma própria, Petrobras começa produção do pré-sal

A Petrobras detém 89,257% dos direitos da jazida em parceria com Shell Brasil Petróleo Ltda (4,258%), Total E&P do Brasil Ltda (3,832%), Petrogal Brasil S.A (1,703%) e Pré-Sal Petróleo SA (PPSA), representando a União (0,950%).

Entenda o que é uma FPSO

Unidade flutuante de produção, armazenamento e  transferência (em inglês Floating Production Storage and Offloading, FPSO, como abreviado dessa forma, no mercado de produção de petróleo).

É um tipo de navio utilizado pela indústria petrolífera para a exploração (produção), armazenamento petróleo e/ou gás natural e escoamento da produção por navios cisterna (petroleiros).

São utilizados em locais de produção distantes da costa com inviabilidade de ligação por oleodutos ou gasodutos.

 

Fonte: Alana Gandra -Agência Brasil Edição: Bruna Saniele

Foto: Geraklo Fakão/Agência Brasil

Leia também: Privatização da Cedae está marcada para o fim do ano

Anúncio Na Mídia

3 COMENTÁRIOS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here