leona cavalli-foto divulgação-na midia - uiara zagolin

A atriz, diretora e produtora LEONA CAVALLI, premiada no teatro, cinema e televisão estreia com OSCAR MAGRINI “O Gatão De Meia Idade, A Peça”

A estreia acontece hoje, 19/jan no Teatro das Artes em curtíssima temporada.

Leona Cavalli e Oscar Magrini estão esperando todos para divertirem e darem boas risadas com está comédia inteligente, com texto hilariante e contagiante.

Com texto de Miguel Paiva, os atores, juntos, levam o público ao riso fácil e também à reflexão dos anseios e aflições de um homem de meia idade, procura de uma parceira e que não sabe viver sozinho.

Participação especial do ator e ventríloquo, considerado o melhor do momento, Yakko Sideratos com direção de Eduardo Figueiredo

Ficha Técnica

Texto: Miguel Paiva
Direção Geral: Eduardo Figueiredo
Elenco: Oscar Magrini, Leona Cavalli e Yakko Sideratos

Instagram@leonacavalli @oscarmagrini@miguelpaiva@yakkosideratos@etfigueiredo

Leona Cavalli e Oscar Magrini em Gatão de Meia Idade, A Peça

SERVIÇO

Teatro das Artes

Gatão de Meia Idade, A Peça

Shopping Eldorado

Avenida Rebouças, 3970, loja 409 – Pinheiros – São Paulo/SP

Telefone (11) 3034-0075 

Terça à Domingo – de 19/jan até 31/mar

Sábado 21 horas e domingo às 19 horas

Ingressos: site www.tudus.com.br e www.teatrodasartessp.com.br  Facebook  e Instagram

Sobre Leona Cavalli

Ao nascer, recebeu o nome de Alleyona. Sua mãe queria que fosse Leona, mas o pai achou o nome muito forte para um bebê e resolveu adaptá-lo.

Aos dez anos já queria ser atriz e aos 14 decidiu que iria começar a carreira de atriz. 

Leona Cavalli e Oscar Magrini em Gatão de Meia Idade, A Peça

Fez curso de teatro e participou de Valsa nº 6 de Nelson Rodrigues, sua estréia no teatro adulto, com 16 anos. 

Depois, entrou na UFRGS, no curso de Artes Cênicas.  Chegou a São Paulo em 1990, entrou para o curso de teatro da PUC, onde fez “O Homem e o Cavalo”, de Oswald de Andrade.

Logo depois, fez, com o ator Pascoal da Conceição, a Farsa de Inês Pereira e Auto da Barca do Inferno, de Gil Vicente.

Em seguida, Leona fez, com o diretor Zé Celso Martinez Corrêa, As Troianas, de Eurípedes, e Hamlet, montagem para a reinauguração do Teatro Oficina.

Além de teatro, Leona faz cinema e TV. No cinema, fez Amarelo Manga, Cafundó,  Através da Janela,  Carandiru  e Olga, dentre outros.

Na TV, participou das novelas As Filhas da MãeDa Cor do Pecado, Começar de Novo, Bang Bang e Belíssima.

Leona Cavalli e Oscar Magrini em Gatão de Meia Idade, A Peça

Em 2007, participou da minissérie Amazônia e da novela Duas Caras, ambas da TV Globo.

Seriado

Em 2008, após encerrar a novela Duas Caras, Leona participou de um episódio do seriado Casos e Acasos (Globo).

Ainda em 2008, a atriz esteve novamente na TV, integrando o elenco da novela Negócio da China.

Em 2010, participou da minissérie Dalva e Herivelto interpretando a personagem Margot e, também, está no teatro com o monólogo Máscaras de Penas Penadas.

Ainda em 2010, participa de um dos episódios de As Cariocas[ e A Vida Alheia, seriados exibidos pela Rede Globo, além de aparecer no longa metragem Os Inquilinos.

Em 2011, ela fez uma participação especial na novela Araguaia. Esteve na novela A Vida da Gente, no qual interpretou a pediatra Celina.

Leona Cavalli e Oscar Magrini em Gatão de Meia Idade, A Peça

Séries

Em 2012, fez uma participação na série As Brasileiras, no episódio “A Justiceira de Olinda” e interpretou sua primeira vilã, Zarolha no remake da novela Gabriela.

Em 2013, esteve na novela Amor à Vida de Walcyr Carrasco, interpretando a médica Glauce, mulher que compromete sua carreira para ajudar Bruno (Malvino Salvador), por quem é apaixonada.

Em 2015, é anunciada no elenco da novela Totalmente Demais na pele de Gilda, uma moradora do interior do Rio De Janeiro e mãe da protagonista Eliza, interpretada por Marina Ruy Barbosa.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here