Grande Fernanda Montenegro em “Piedade”

0

Grande Fernanda Montenegro em “Piedade”.

A grande Fernanda Montenegro está no elenco ao lado de Irandhir Santos, Matheus Nachtergaele, Cauã Reymond, Mariana Ruggiero, Gabriel Leone e Francisco de Assis Moraes.

Assim, as filmagens já começaram ao redor do complexo portuário de Suape, no litoral sul de Pernambuco.

“Piedade” é ambientado na Praia da Saudade, onde encontra-se o bar Paraíso do Mar, conhecido pela moqueca de cação.

Dessa forma, o local construído por Humberto Bezerra há mais de 30 anos é comandado atualmente por sua viúva Dona Carminha e pelo filho mais velho, Omar.

Porquanto, o cotidiano da família será abalado com a chegada de Aurélio, um executivo de São Paulo, com segredos há muito tempo escondidos.

A princípio, o cineasta pernambucano Claudio Assis é conhecido por seus trabalhos polêmicos, com muitas cenas de violência e nudez, além de retratar o cotidiano da periferia de Recife.

Grande Fernanda Montenegro em “Piedade”

Grande Fernanda Montenegro em "Piedade"

Fernanda Montenegro

Fernanda Montenegro ONM, nome artístico de Arlette Pinheiro Esteves da Silva Torres (Rio de Janeiro, 16 de outubro de 1929), é uma atriz, locutora, radialista e apresentadora brasileira. Ou seja, é considerada uma das melhores atrizes brasileiras, é frequentemente referenciada como a grande dama do teatro, do cinema e da dramaturgia do Brasil

Ela foi a primeira latino-americana e a única brasileira já indicada ao Oscar de Melhor Atriz.

É também a única atriz indicada ao Oscar por uma atuação em língua portuguesa, sendo nomeada por seu trabalho em Central do Brasil (1998).

Além disso, foi a primeira brasileira a ganhar o Emmy Internacional na categoria de melhor atriz pela atuação em Doce de Mãe (2013).

Portanto, dentre os inúmeros prêmios nacionais e internacionais que recebeu em seus mais de sessenta anos de carreira, em 1999, foi condecorada com a maior comenda civil do país, a Grã-Cruz da Ordem Nacional do Mérito, “pelo reconhecimento ao destacado trabalho nas artes cênicas brasileiras”, entregue pelo então presidente Fernando Henrique Cardoso.

Assim, além de ter sido cinco vezes galardoada com o Prêmio Molière, ter recebido três vezes o Prêmio Governador do Estado de São Paulo, ganhou ainda o Urso de Prata no Festival de Berlim de 1998 pela interpretação de “Dora” no filme Central do Brasil de Walter Salles, o que valeu uma indicação ao Oscar de melhor atriz em 1999 e ao Globo de Ouro de melhor atriz em filme dramático.

Recebeu também vários prêmios da crítica americana, no mesmo ano.

Em 2013, foi eleita a 15ª celebridade mais influente do Brasil pela revista Forbes.

Então, durante a Cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016, Fernanda leu o poema “A flor e a náusea”, de Carlos Drummond de Andrade, dublado em inglês por Judi Dench.

Outrossim, na televisão, foi a primeira atriz contratada pela TV Tupi, em 1951, onde estrelou centenas de teleteatros.

Estreou nas telenovelas, em 1954, com A Muralha, na RecordTV, onde participou de outras produções.

Ainda, realizou trabalhos na maioria das emissoras produtoras de teledramaturgia, como Band, TV Cultura, RecordTV e Rede Globo.

Leia ainda Claudia Cataldi agora é Hexa

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here