Deborah Secco grava depoimento emocionante a Filipe B.

No dia 28 de junho (ontem) a atriz Déborah Secco que irá atuar na nova novela das 7 em janeiro na Rede Globo, gravou um vídeo emocionante agradecendo e parabenizando o trabalho do publicitário Filipe B..

No vídeo, a atriz exalta todo o trabalho e profissionalismo do publicitário.

Debora Secco grava depoimento emocionante a Filipe B.

 

Filipe fala que trabalhar com a atriz está sendo uma das melhores experiências que já pode presenciar.

Debora Secco grava depoimento emocionante a Filipe B.

 

Deborah Secco grava depoimento emocionante a Filipe B.

“Ela é simples e cativante. Impossível não se sentir bem e rir com ela no WhatsApp. É o tipo de pessoa que fica feliz vendo o próximo feliz”, afirma o publicitário carioca de 27 anos.

Leia também Henrique e Juliano voltam ao palco do Villa Country

Deborah Secco grava depoimento emocionante a Filipe B.

Carreira

Aos 8 anos de idade estreou na TV fazendo publicidade; aos 10 anos, encenou seu primeiro espetáculo, Brincando de Era uma Vez; e, aos 11 anos, atuou em sua primeira novela, Mico Preto da Rede Globo.[4] Pelos próximos quatro anos, dedicar-se-ia ao teatro, e, faria participações especiais em seriados e minisséries da Globo.

Secco junto ao elenco de Pé na Jaca (2006)
 

Enquanto atuou em peças, como Sapatinhos Vermelhos, que lhe rendeu a indicação ao Prêmio Coca Cola de Teatro, na categoria de Melhor Atriz Revelação, na televisão participou dos episódios “Tabu” e “Mamãe Coragem”, do programa Você Decide, além do especial infantil da Escolinha do Professor Raimundo, em comemoração ao Dia das Crianças, ambos em 1992. Em seguida, fez uma participação especial na minissérie Contos de Verão e esteve na montagem da peça O Soldadinho de Chumbo. Depois, encenou A Roupa Nova do Imperador, de 1994, quando transferiu-se para a TV Cultura, onde protagonizou o seriado Confissões de Adolescente, na pele da esperta Carol, trabalho que a catapultou para a fama, lhe garantiu reconhecimento, e lhe valeu o Prêmio da APCA na categoria de Atriz Revelação.

Em 1995, retornou à Rede Globo, onde permanece até os dias atuais, e atuou em sua primeira novela do horário nobre, A Próxima Vítima. Em 1996 encarnou a Bárbara da novela Vira Lata, que durante boa parte da trama faz-se passar por menino, atendendo pelo nome de Tatu. Posteriormente, despontou na novela Zazá, como Dora, neta da protagonista vivida por Fernanda Montenegro, e, em 1998, atuou em sua primeira novela das seis, Era Uma Vez…, como Emília, garota travessa que mora no interior.

Em 1999, participou da novela Suave Veneno, como a Maria-chuteira Marina. Em agosto daquele ano, posou pela primeira vez para a edição brasileira da revista Playboy, na edição de aniversário de 24 anos da revista, num ensaio captado pelo fotógrafo J.R. Duran.[5] Em 2000, viveu a sua primeira vilã em novelas, a Íris de Laços de Família. Em 2001, ganhou sua primeira protagonista em novelas, a Cecília de Sá de A Padroeira de Walcyr Carrasco.

Em 2002, viveu novamente uma vilã na TV, porém diferente da outra, a vampira Lara, papel que interpretou na novela O Beijo do Vampiro, é cômica e atrapalhada. Por conta do seu grande apelo sensual, estampou a capa da Playboy na edição de aniversário de 27 anos da revista, em agosto daquele ano.[6]

 
Secco durante desfile em 2008
Deborah Secco grava depoimento emocionante a Filipe B.

Em 2003, integrou o elenco da novela Celebridade, na pele de Darlene Sampaio, garota obcecada pela fama. No ano seguinte estava escalada para viver a vilã Lenita de Como uma Onda, porém foi transferida para América, sua primeira protagonista do horário nobre.[7] Ela deu vida ao personagem Sol que tentava ganhar a vida nos Estados Unidos, mesmo como imigrante ilegal. No ano seguinte, participou do quadro Dança no Gelo, do programa Domingão do Faustão, ficando em terceiro lugar. Na metade desse quadro, fraturou duas costelas. Ainda neste ano, interpretou a sua terceira protagonista e ao mesmo tempo sua terceira vilã, a perversa Elizabeth, de Pé na Jaca. Em 2007 fez uma participação especial na novela Paraíso Tropical, como a prostituta Betina, amiga de Bebel, de Camila Pitanga, que aparece somente para atrapalhar o casamento do vilão Olavo, de Wagner Moura, com Alice, de Guilhermina Guinle.

 

 

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here