BYD reafirma liderança absoluta no mercado brasileiro

0
233

BYD reafirma liderança absoluta no mercado brasileiro.

BYD Dolphin Mini, o carro elétrico mais vendido no mercado brasileiro em maio, com 2.104 unidades novas nas ruas

No mês de maio a BYD mostrou que, mesmo com uma retração geral de vendas do mercado automotivo nacional, se manteve firme na liderança entre os veículos elétricos, registrando 3.695 unidades 100% elétricas emplacadas e mais de 71% de participação de mercado.

A BYD vendeu sozinha mais que o dobro dos concorrentes somados (1.461), mostrando que a cada mês se consolida na liderança entre os modelos elétricos no país.

O líder do mês foi o BYD Dolphin Mini, que sozinho contou com 2.104 unidades comercializadas, seguido do BYD Song Plus, o SUV híbrido plug-in (PHEV) mais vendido do mês, com 1.560 novos carros circulando nas ruas.

Na soma de carros 100% elétricos e veículos híbridos, a BYD também segue na liderança, com 5.255 unidades emplacadas, um número que garantiu à marca a permanência entre as 10 maiores do mercado automotivo geral.

BYD reafirma liderança absoluta no mercado brasileiro

“Maio foi um mês extraordinário para a BYD, que vendeu quase 332 mil carros no mundo, um crescimento de 38% em relação ao mesmo período de 2023. No Brasil, tivemos um mês muito desafiador para todo o setor automotivo e para nós não foi diferente. Além de registrar dois dias úteis a menos por conta de feriados, vivenciamos uma catástrofe sem precedentes no Rio Grande do Sul.

Seguimos nossos esforços e nossa campanha para ajudar os gaúchos, levando mantimentos e cedendo nossos carros, que estão sendo usados pelas autoridades como fonte de energia para equipamentos usados nos resgastes e buscas”, destaca Alexandre Baldy, conselheiro especial da BYD.

Segundo o executivo, a marca segue firme com seus objetivos e acredita em uma pronta retomada dos emplacamentos no mês de junho, em que será lançado um novo modelo a integrar a linha no Brasil e diversas outras ações, ofertas e condições especiais de vendas.

VENDAS GLOBAIS

As vendas da BYD seguem em crescimento a nível global, com registro de 331.817 carros vendidos no mundo, um aumento de 38% em relação as vendas do mesmo mês no ano passado (240.220). Apenas na China as vendas foram de 275.746 carros, um crescimento 1,2% acima dos 272.234 do mês anterior.

REDE DE CONCESSIONÁRIAS

Em maio o grupo Dahruj vendeu mais de 1.090 unidades, liderando o ranking entre a rede e seguido por Águia Branca (830), Saga (743), Parvi (478) e Carmais (467). A rede de concessionárias BYD segue em franca expansão, com a inauguração da centésima loja em Florianópolis (SC), operada pelo grupo DVA. Os planos da BYD do Brasil é que até dezembro a rede conte com 250 concessionárias, entre nomeadas e inauguradas.

ACUMULADO DO ANO

Os números de janeiro a maio comprovam a estratégia acertada da marca com o Brasil. E o seu avanço com os planos de curto, médio e longo prazo no País. No total, a marca acumula mais de 27 mil unidades emplacadas, número que supera todo o desempenho de 2023 de janeiro a dezembro.

Apenas entre os elétricos, foram mais de 19 mil novos carros circulando nas ruas do Brasil. Isto é, uma participação de mercado de mais de 71% no acumulado do período. Entre os híbridos, a marca é líder (PHEV). E anota 8.125 BYD Song Plus emplacados, o SUV híbrido puro mais amado pelos brasileiros, referência em design, conforto e desempenho.

BYD reafirma liderança absoluta no mercado brasileiro

SOBRE A BYD

Líder na comercialização de veículos elétricos no Brasil e consolidada na fabricação de tecnologia de energia solar. BYD vem expandindo sua atuação no país, desde sua chegada em 2013. Compromissada em cuidar do planeta e investir na transição energética sem emissão de poluentes. Assim, a empresa possui em solo nacional fábricas de montagem de chassis de ônibus 100% elétricos. Assdim como, de produção de módulos fOtOVOltaicos, ambas em Campinas (SP).

Tem também no Polo Industrial de Manaus (AM), uma unidade dedicada à produção de baterias de fosfato de ferro-lítio. Além disso, impoda empilhadeiras, paleteiras, rebocadores e caminhões para o Brasil, todos 100% elétricos. Em novembro de 2021, começou a comercialização de automóveis de passeio no paí. E já conta com diversos modelos e uma rede consolidada de concessionárias em operação.

No ano passado deu início ao projeto para a construção do Complexo de Camaçari, na Bahia. Onde vai instalar a primeira fábrica de carros fora da Ásia. A companhia ainda é responsável por um projeto de SkyRail (monotrilho) na cidade de São Paulo (SP).  (Linha 17 — Ouro do metrô).

Eleita pela revista americana Times como uma das 100 empresas mais influentes do mundo. Assim, a BYD integra o Pacto Global das Nações Unidas (ONU), uma iniciativa que fornece diretrizes para a promoção do crescimento sustentável e da cidadania. Por meio de lideranças corporativas comprometidas e inovadoras.

 

 

 

 

Alessandra tem passagens por alguns dos maiores veículos de comunicação do estado de São Paulo, como Editora Abril, Folha de São Paulo, Estadão, Diário do Grande ABC e Revista Livre Mercado. Colunista dos portais de notícias Tô na Band e São Paulo em Destaque e está à frente dos portais Economia SA, com foco em negócios, e Viajar SA. É sócia-diretora da Business Group Events, agência 360º, única no mercado que atende desde projetos para redes sociais e artistas até negociação de shows e eventos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui