Advogada Juliana Leite celebra a vida nos EUA

A brasiliense Juliana Leite  hoje vive nos EUA onde possui um escritório de advocacia que montou em Miami

0
1036

Advogada Juliana Leite celebra a vida nos EUA. A brasiliense Juliana Leite, hoje vive nos EUA onde possui um escritório de advocacia que montou em Miami e, também, trabalha como corretora de imóveis na Florida.

Também, como advogada, presta serviço de consultoria a brasileiros que estejam interessados em empreender nos EUA.

Outrossim, atendendo  desde a obtenção de visto, mudança, adequação a escolas,  até o recolhimento de impostos e compromissos jurídicos.

Juliana Leite,  que também chegou a trabalhar como atriz no Brasil, costuma visitar o país pelo menos cinco vezes ao ano, a fim de ver sua família.

Estudou teatro desde a infância e iniciou sua carreira atuando em filmes nos Estados Unidos, participando de um episódio da série norte-americana CSI Miami. Porém, hoje se dedica totalmente ao Direito Internacional.

Advogada Juliana Leite celebra a vida nos EUA

Solteira aos 34 anos,  com seu mestrado em Direito Internacional, concluído na Flórida, celebra a vida bem-sucedida que leva fora do país.

Direito Internacional

Direito Internacional é o conjunto de normas que regula as relações externas dos atores que compõem a sociedade internacional.

 Estes atores, chamados sujeitos de direito internacional, são, principalmente, os Estados nacionais, embora a prática e a doutrina reconheçam também outros atores, como as organizações internacionais.

Alguns autores distinguem entre o direito internacional racional ou objetivo, de um lado, e o direito internacional positivo, de outro.

 O primeiro aspecto compreende os princípios de justiça que governam as relações entre os povos, enquanto que o segundo vem a ser o direito concretamente aplicado, proveniente dos acordos entre os sujeitos de direito internacional e de fatos jurídicos consagrados por prática reiterada.

O direito internacional racional funcionaria, portanto, como norma inspiradora e fundamento para o direito internacional positivo.

O direito internacional (por vezes também chamado de direito internacional público) não deve ser confundido com a disciplina jurídica do direito internacional privado

é o conjunto de normas que regula as relações externas dos atores que compõem a sociedade internacional.

 Estes atores, chamados sujeitos de direito internacional, são, principalmente, os Estados nacionais, embora a prática e a doutrina reconheçam também outros atores, como as organizações internacionais.

Alguns autores distinguem entre o direito internacional racional ou objetivo, de um lado, e o direito internacional positivo, de outro.

 O primeiro aspecto compreende os princípios de justiça que governam as relações entre os povos, enquanto que o segundo vem a ser o direito concretamente aplicado, proveniente dos acordos entre os sujeitos de direito internacional e de fatos jurídicos consagrados por prática reiterada.

O direito internacional racional funcionaria, portanto, como norma inspiradora e fundamento para o direito internacional positivo.

O direito internacional (por vezes também chamado de direito internacional público) não deve ser confundido com a disciplina jurídica do direito internacional privado

Advogada Juliana Leite celebra a vida nos EUA

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui